NOTÍCIAS

13/07/2018

Formações pedagógicas: o trabalho com os professores do Colégio Opet

A importância do encontro, para além da própria formação pedagógica – um trabalho que é muito especial sempre, em todas as escolas públicas e privadas que atendemos – reside no fato de que o Colégio Opet funciona como escola de aplicação dos materiais didáticos produzidos pela Editora.

Lá, em outras palavras, os professores participam de um processo que envolve o uso e o aprimoramento dos materiais em parceria com a Editora. Esse processo de troca acontece com todos os parceiros Opet – estamos sempre em contato com os docentes, durante as formações e no acompanhamento do trabalho das escolas –, mas é especialmente rico quando envolve os nossos próprios colégios e nossos próprios colaboradores.

“Eu vejo a participação dos nossos professores como algo muito interessante. É importante que, no trabalho com os materiais, eles apontem seus próprios caminhos de trabalho, os pontos mais fortes e aqueles em que é preciso avançar”, avalia a diretora geral do Colégio, professora Salete Spitzner.

“A interação com a equipe da Editora, com as pessoas que desenvolvem os materiais e as formas de trabalhar com eles, é muito importante. Nos sentimos muito honrados em participar!”, observa.

Para ir mais longe: a importância da formação pedagógica
Nelson Victor Barbosa, professor de Geografia do Ensino Médio, tem 34 anos de trabalho com educação. Ele já era professor do antigo Colégio Lins de Vasconcelos, que foi adquirido pelo Grupo Educacional Opet e se tornou Colégio Opet em 1999 e, desde então, faz parte do corpo docente da instituição.

Ele valoriza muito as formações pedagógicas feitas com os assessores pedagógicos da Editora. “É muito importante porque nos ajuda a ficar atentos para as coisas que estão acontecendo na educação, as novidades e as diretrizes que estão sendo implantadas no Brasil”, observa. “Além disso, o trabalho feito em conjunto propicia discussões e leva a gente a ampliar nossos conhecimentos e a redirecionar nossas ações.”

Falando sobre os materiais do Ensino Médio da Coleção Cidadania – que, recentemente, foram totalmente reestruturados –, o professor Nelson faz uma avaliação favorável. “Com a nova Coleção Cidadania, estamos fazendo com que os estudantes tenham um primeiro e segundo anos bem trabalhados, com todos os conteúdos, e um terceiro ano como uma série revisional, com foco no reforço dos conteúdos e de olho nos vestibulares e no ENEM. Os materiais também apoiam o professor e o estimulam a ir além em seu trabalho.”

A supervisora pedagógica da Editora Opet para o Colégio Opet, Maria Neve Collet Pereira, destaca o valor da interação entre os professores e os formadores pedagógicos. “Essa troca é muito boa. Os professores do Colégio são uma referência em relação ao uso dos materiais e nós recebemos todas as informações que eles nos passam com muito cuidado. Dentro da proposta do Colégio Opet como uma escola de aplicação dos materiais da Editora, isso é muito importante.”
Ver outras notícias

Quer mais informações sobre os sistemas educacionais da Editora Opet?

Preencha o formulário abaixo para receber nossas novidades e informações.

Agncia de publicidade em Curitiba